MÍDIAS SOCIAIS
MURAL DIGITAL Materiais PerfurocortantesManual de Saneamento FunasaRelatório anual da qualidade da águaRELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADEEstiagem PCJPLANO MUNICIPAL DE RESÍDUOS SÓLIDOSARES-PCJRelatório Anual da Qualidade da ÁguaCaçambeirosAtibaiaRio Atibaia TelemetriaCIPACiiagroPlano Municipal de SaneamentoRadar de ChuvasConsórcio PCJ
PILOTO DE COMPOSTAGEM
10 SET 2018

Historicamente a EPA vinha enfrentando dificuldades em destinar os resíduos de pontas de árvores, troncos caidos e de capinação, das áreas comuns e particulares da EPA, de forma eficiente e sem prejuizo ao meio ambiente. A solução provisória encontrada foi o acúmulo por muitos anos, no bairro Pássaros, em uma área ao lado do “bananal” de refugos de arvores, galhos, plantas e gramas.

O lixo acumulado é empilhado em uma área aproximada de 10.000 m² por três metros de altura tomou dimensões preocupantes e trouxe consigoalguns problemas que passaram a ser vistos como urgentes dentro da EPA  e cuja solução foi tratada com proridade pela sua diretoria.

Para a rtirada do material acumulado, seria inviavel por trasportes de caminhão alugado pois seria mais de 6.000 mil vigens e o custo seria maior, e alem dos problemas operacional dentro do condiminio por sua circulação seria negativo.

Durante o periodo fiscal 2016/17 realizamos pesquisas para identificar os equipamentos adequados para a trituração do material acumulado e respecitivos fabricantes nacionais ou importados. Definimos a escolha por um equipamento com motor diesel da empresa Lippel de Agrolândia/ Sta. Catarina com a capacidade para triturar troncos de até 22cm de espessura e pelo menos 06 horas continua / dia.

Na assembleia geral/2017 foi aprovado o orçamento para a compra deste equipamento. Alugamos um triturador Lippel 250/G por seis meses visando ganhar experiêcia com o manuseio do equipamento, avaliar as suas competências a ter uma visão clara da relação custo – beneficio.

Para resolver o volume de resíduos (cavacos) gerados pela trituradora, fechamos parcerias com a Prefeitura de Atibaia, que se comprometeu a disponibilizar uma caminhão /semana para a retirada sem custos do material triturado visando aplicação deste nas hortas comunitárias da cidade que geram legumes e vegetais utilizados na merenda escolar dos alunos das escolas do município.

Em uma segunda etapa avançaremos no uso do material triturado para compostagem na Horta Comunitária da EPA e até o final do ano estaremos disponibilizando a entrega em sacos individuais de cavacos para jardim dos condominos.

Ápos a implementação bem sucedida do EPA RECICLA, o projeto coloca a EPA na linha de frente de soluções praticas da proteção ao meio ambiente, a sustentabilidade e apoio as atividades sociais ( hortas comunitarias) e da garantia de trabalho (cooperativa de reciclagem) na cidade de Atibaia.

 
 
 

Design por: Agência bcicleta